Blog do Juraci Filho

Luís Fernando finaliza Seminários Planeja em Ribamar

LUISFERNANDO

Terminou no último sábado, dia 23, a bateria de seminários Planeja – O cidadão decidindo, em São José de Ribamar. Comandado pelo pré-candidato a prefeito, Luis Fernando Silva (PSDB), o evento fechou com chave ouro ouvindo as propostas dos jovens no Planeja Juventude.

Membros da JPSDB, dos demais partidos que irão defender o nome de Luis Fernando para prefeito e de movimentos da Juventude até de outros partidos de outras pré-candidaturas mobilizaram centenas jovens que participaram de forma propositiva, apoteótica e vibrante.

“Foi um Planeja como todos os outros, com muitas propostas e discussões, mas com uma energia totalmente diferente. E foi exatamente por isso que deixamos o último Planeja para ser o da Juventude, pois é com ela e com a vibração dos nossos jovens que a cidade vai ser reconstruída”, disse o pré-candidato, Luis Fernando Silva.

Liderados por Neilson Marques, os jovens entregaram um conjunto de propostas para o pré-candidato. A exemplo de outras sugestões, feitas individualmente, as ideias da Juventude serão incorporadas ao agrupamento de propostas do futuro candidato e protocoladas no Tribunal Regional Eleitoral, quando do registro da candidatura do tucano.

Balanço – Realizado pela Comissão Provisória da Executiva Municipal do PSDB de São José de Ribamar, o Planeja teve início em abril deste ano e foi dividido em duas fases. Na primeira etapa, foram realizados oito seminários distribuídos nas seis regiões administrativas do município. O segundo passo foram os seminários setoriais: Saúde, Educação, Cultura e Turismo, Pesca, Indústria e Comércio, Transporte, Esporte e Lazer, Defesa Social, Agricultura Familiar, Assistência Social e Juventude.

Em muitos momentos, tanto o pré-candidato Luis Fernando quanto os chamados facilitadores, técnicos das respectivas políticas públicas, responsáveis por anotar, organizar e moldar as propostas para uma linguagem mais técnica, ficaram surpresos com a qualidade das proposições apresentadas.

No Planeja Transporte, por exemplo, membros de uma Associação do Jardim Tropical apresentaram uma proposta de construção de um terminal de vans no Turiuba. No Planeja Defesa Social eles retornaram, reafirmaram a proposta e apresentaram até uma maquete do terminal sonhado, construída pela própria comunidade.

Excetuando as propostas repetidas, foram consolidadas nos 19 seminários cerca de 1.200 propostas. Para Luis Fernando, a qualidade e quantidade de propostas serão um norteador importantíssimo para a reconstrução de São José de Ribamar. “Sempre digo que o gestor que quer errar menos e acertar mais deve ouvir diretamente o cidadão. E foi isso que fizemos no Planeja, ouvimos quem mais sabe do que a cidade precisa, que são as pessoas de cada bairro de São José de Ribamar e os profissionais das respectivas áreas das políticas públicas, ouvidas nos seminários”, concluiu.

0

Reflexão sobre 2º turno…

A pesquisa de intenções de votos Econométrica, registrada na Justiça Eleitoral sob o protocolo MA-­03691/2016 e que ouviu 985 eleitores da capital, confirmou o que o próprio instituto e outras pesquisas já haviam constatado e mostrou o protagonismo de três pré-­candidatos em São Luís: Edivaldo Holanda Júnior (PDT), Eliziane Gama (PPS) e Wellington do Curso (PP).

Edivaldo, contudo, ultrapassou Gama e acendeu o sinal de alerta na campanha da popular-­socialista. Wellington seguiu com o crescimento dentro da margem de erro, mas permaneceu consolidado como uma espécie de terceira via para o pleito. Para analistas, o cenário ainda é de indefinição.

Mas, um aspecto que chama a atenção dos mais atentos diz respeito à simulação de disputa de um eventual segundo turno.

Wellington, que pela primeira vez encara uma disputa majoritária, venceria os seus principais adversários no segundo turno.

Na simulação contra Edivaldo Júnior, a pesquisa deu a seguinte classificação favorável ao pepista: 37,4% contra 31,6%.

Já na simulação contra Eliziane Gama, os números foram 35% a 32,6%. Um detalhe interessante é que, apesar da vantagem do deputado estadual, há um empate técnico em todos os cenários quando aplica­-se a margem de erro.

Outro dado interessante no que diz respeito a um eventual segundo turno, segundo a Econométrica, foi a diminuição da diferença percentual entre Edivaldo e Eliziane.

O pedetista cresceu e conseguiu tirar 13 pontos de desvantagem em relação à adversária. No primeiro levantamento da Econométrica, realizado em junho, a distância de Gama para o prefeito era de 14 pontos. Na pesquisa deste fim de semana, a vantagem caiu para apenas 1 ponto, fato comemorado pelo núcleo da pré­-campanha do pedetista.

Esses são alguns dos cenários que passaram a ser analisados com maior profundidade pelos três pré­-candidatos no fim de semana.

A pesquisa foi contratada por Luís Assis CS de Almeida­ME

Reação – O presidente estadual do Partido Progressista no Maranhão, deputado federal André Fufuca, reagiu às críticas de aliados da pré-­candidata Eliziane Gama (PPS) à pesquisa Econométrica.

O tom da censura aos números por parte de popular-­socialistas aumentou depois de divulgados os resultados das simulações de segundo turno.

Para os aliados da pré­-candidata, houve “efeitos especiais” na tabulação dos resultados. “Simples. Contratem um instituto e tirem a dúvida”, reagiu Fufuca.

‘O Estado’

0

Austrália se recusa a entrar na Vila Olímpica, inacabada

Alojamento dos atletas na Olimpíada do Rio

A delegação australiana pretendia entrar ontem (24) na Vila Olímpica, localizada próxima ao Parque Olímpico da Barra.

Mas uma vila “suja e inacabada” fez os atletas desistirem do plano e adiar sua entrada. Por enquanto, vão ficar em hotéis da região.

A informação é da Folha de S.Paulo.

A Vila abre hoje aos atletas. Alguns atletas já chegaram.

Kitty Chiller, chefe de missão da delegação australiana, disse que há problemas óbvios de gás, encanamento e eletricidade.

A Vila teria problemas claros de banheiros bloqueados, vazamentos, fiação exposta, falta de luz e muita sujeira.

Outras delegações já tinham apresentado ao COI (Comitê Olímpico Internacional) suas queixas sobre o estado dos alojamentos, como Reino Unido e Nova Zelândia.

Do próprio bolso

A Austrália, há uma semana, tinha contratado seus próprios profissionais para arrumar o alojamento dos atletas, mas o esforço não foi suficiente.

Estados Unidos, Itália e Holanda também pagaram, do próprio bolso, funcionários temporários para realizar obras nos apartamentos da Vila Olímpica.

0

Direção Nacional do PSC reforça pré-candidatura de Ribinha Cunha em Imperatriz

Ribinha Cunha fala sobre sua pre-candidatura a prefeito de Imperatriz

Foi um grande sucesso a realização do 1° Encontro Regional do PSC para o Sul do Maranhão. O evento reuniu centenas de participantes, semana passada, no auditório do Palácio do Comércio, em Imperatriz. O espaço ficou pequeno para tanta gente que foi até o local acompanhar a movimentação.

O Encontro Regional foi liderado pelo presidente municipal do PSC de Imperatriz, Ribinha Cunha, pré-candidato a prefeito da cidade e contou com as presenças do pastor Everaldo Dias, presidente nacional do PSC; do deputado estadual Léo Cunha, presidente de honra do PSC no Maranhão; Edmilson Vaz, secretário estadual do PSC; Daniel Souza, dirigente local do PSDB; Chico Brasil, representante do PHS de Imperatriz, além dos pré-candidatos a vereador dos três partidos.

O ato partidário que, já está sendo considerado o maior realizado na cidade nesta pré-campanha, abordou o tema “a defesa da família e a ética na política”.

 “O PSC quer contribuir de maneira mais efetiva na construção de idéias e na promoção de ações que possam ajudar a melhorar a vida da população imperatrizense. Ética na política é algo preponderante para alcançar essas transformações e nós temos essa convicção”, disse Ribinha Cunha.

Ribinha Cunha aproveitou o encontro para agradecer as manifestações favoráveis a sua pré-candidatura e ressaltou seu compromisso com a cidade. “Sou filho de Imperatriz e quero um município cada vez melhor para viver. Quero agradecer ao povo da minha cidade pela boa aceitação ao meu nome como pré-candidato. O apoio vindo dos mais variados segmentos da sociedade, dos partidos políticos, são uma motivação a mais na construção desse projeto. Vamos continuar fazendo política com seriedade, honestidade, coragem, determinação e respeito às pessoas”, enfatizou.

Apoio nacional – O presidente nacional do Partido Social Cristão, pastor Everaldo Dias classificou como “excelente” a realização do Encontro Regional do PSC. Ele proferiu a palestra “O povo cristão na defesa da família e da ética na política”.

“Estamos levando aos pré-candidatos a prefeito e vereador, os ideais do Partido Social Cristão. Temos apresentado à sociedade brasileira alguns aspectos que nós entendemos que fazem parte da ética e dos princípios cristãos, pois cada militante do nosso partido está interessado no bem-estar do povo de seu município de acordo com as suas necessidades”, destacou.

Pastor Everaldo também falou sobre o fortalecimento e o crescimento do partido em todo Brasil e citou como exemplo, a pré-candidatura de Ribinha Cunha a prefeitura de Imperatriz. Ele reiterou o apoio da Direção Executiva à iniciativa.

“Queremos fazer o melhor por Imperatriz e é por isso que o PSC está aqui. O Ribinha Cunha é um ótimo nome, cidadão de grande credibilidade e administrador de reconhecida capacidade. É um homem preparado para comandar os destinos desta cidade”, declarou.

O deputado estadual Léo Cunha ficou satisfeito com a realização do Encontro Regional do PSC. “Esta reunião contribuiu muito para pensarmos em idéias que ajudem a melhorar a qualidade de vida das pessoas, para que possamos servir a população com mais eficiência”, finalizou.

0

Um sonho possível…

Por Joaquim Haickel

Eu havia acabado de assistir ao filme “Rio, eu te amo”, que, diga-se de passagem, é uma droga de filme, mesmo que tenha sido feito só por gente importante do cinema nacional e internacional, quando me lembrei de um antigo e acalentado projeto semelhante a ele: “São Luís”.

Para ser justo com o filme que acabara de assistir, devo dizer que gostei da sequência em que aparece o ator Harvey Keitel, onde um menino de rua diz pra ele que está esperando, num telefone público, uma ligação de Jesus Cristo.

Mas voltemos a “São Luís”. Tenho um antigo projeto de fazermos um filme no mesmo estilo dos tais “Eu Te Amo”. Um projeto que coloque São Luís como cenário e personagem, que nos propicie contar histórias curtas e interessantes sobre as pessoas, lincando-as com nossa cidade, ambientando-as em seu casario, passeando por suas lendas, usando os personagens marcantes de sua história e de seu cotidiano!

Um filme que seja escrito, dirigido, produzido e atuado por cineastas maranhenses, mas para o qual se convidasse alguns atores de renome nacional e até mesmo internacional, para dar a ele um aspecto e um apelo universal. Usaríamos em sua realização o que existisse de melhor em termos de equipamento cinematográfico e mão de obra técnica, nos igualando ao que de melhor existe em termo de cinema.

Tenho certeza que uma hora dessas esse projeto vai sair do plano onírico e vai se tornar realidade, ainda mais agora que a nossa indústria cinematográfica começa a se estruturar profissionalmente.

Desde já estão convocados para fazerem parte desse projeto, junto comigo, Arturo Saboia, Marcos Ponts, Beto Matuk, Fred Machado, Breno Ferreira, Francisco Colombo, Cícero Filho, Breno Nina, Lucas Sá, Rafaelle Petrini, Mavi Simão, Tiago Tito, Erlanes Duarte, Cassia Melo e mais alguns outros…

Imaginem só se tivéssemos como um dos galhos dessa frondosa árvore cinematográfica, uma história que envolvesse a Marrom, Alcione Nazaré; Uma que fosse ambientada dentro de um dos enredos do grupo Pão com Ovo; Uma outra onde uma fã perseguisse Thaynara OG; Uma que contasse as peripécias de um ex-jogador de futebol famoso, assim como Kleber Pereira; Uma história ambientada num grupo de arte popular, de bumba meu boi ou tambor de crioula; Uma que narrasse a vida pacata de um funcionário público; Uma onde um preto velho contasse histórias de assombração para dois menininhos numa das escadarias do centro histórico; Uma história ambientada no Bar do Nelson ou no Bar do Léo; Uma que falasse de um poeta que vivesse enfurnado dentro de um sebo, como a Poeme Se Livraria; Uma que abordasse as armações de um político safado e trapalhão; e ainda uma história que contasse um belo caso de amor…

Seriam umas 15 histórias de no máximo 8 minutos para que o filme não ficasse longo demais. Essas histórias poderiam ser contadas encadeadas em um travelling pela cidade, um passeio por nossas ruas.

Tenho certeza que temos condição de fazer um grande filme! E é fácil comprovar isso. Para tanto basta citar alguns filmes já realizados ou alguns projetos pré-produzidos dos cineastas citados acima: Acalanto, de Arturo; Infernos, de Fred; Nua por dentro do Couro, de Lucas; Macapá, de Marcos; Reverso, de Colombo; e até mesmo, Pelo Ouvido, desse locutor que vos fala, só para citar alguns dos filmes e dos cineastas aqui relacionados.

Tenho certeza que sob o comando produtivo de Petrini, Mavi, Matuk, Cassia e Tiago, essa turma iria criar um belíssimo filme no qual se pudesse mostrar São Luís e nossa arte para o mundo.

Podem me chamar de sonhador maluco, mas de mais longe nós já viemos, Agora o cinema maranhense já existe, tem força e qualidade.

Como já disse, tenho certeza que um dia não muito distante esse projeto vai sair do âmbito dos sonhos e se transformará em realidade.

PS: Parabéns a todos que participaram do edital SECTUR/ANCINE de cinema e principalmente aos que foram selecionados. Obrigado aos promotores desse edital, pelo apoio dado ao cinema maranhense.

0

Sinais de recuperação à vista…

Sampaio jogo de igual pra igual contra o Londrina no empate em 1x1

O Sampaio Corrêa não ganhou o jogo, ontem (23), diante do Londrina /PR,  a partida terminou com um empate em 1 a 1, mas o Tricolor fez uma boa apresentação e mereceu vencer – o resultado não traduziu com fidelidade o que foi o confronto.

Primeiro, é bom que se diga que o técnico Wagner Lopes escalou muito bem o time, mesmo não podendo contar com o meia Lucas Sotero, com os laterais esquerdos Rafael Estevam (titular) e Renan Luís (reserva), além do Edgar não ter condições de jogar se quer um tempo, pois precisa operar o dorso do pé. Com tudo isso, contra, ele foi muito feliz na escolha do onze.

O terceiro zagueiro, colocado pelo lado esquerdo, Heverton, que marcou sua estreia foi muito bem. A entrada do  meia Raylan Santos deu mais ritmo ao meio-campo, ele conseguiu a tão esperada aceleração na transição da Bolivia Querida; e para completar: finalmente o Pimentinha jogou os dois tempo bem, e é isso que se espera dele, uma pena é que já ficar de fora do jogo do próximo domingo, às 16h, em GoiÂnia, contra o Atlético – ele tomou o terceiro cartão amarelo.

O gol sofrido, foi a única falha do zagueiro Wagner Fololari, pois cometeu o penalty, se bem que a posição do atacante do Londrina era de impedimento, mas o árbitro marcou. E Germano bateu e fez o tento no primeiro tempo.

Mesmo levando o gol, o Sampaio não se intimidou e jogou no campo do adversário, embora de vez em quando, o Londrina chegasse na cara do gol, e obrigasse o goleiro Rodrigo Ramos a fazer grandes defesas, assim como fizera o arqueiro do time local também.

O jogo foi empate, mas se tivesse o vencedor, esse seria o Sampaio que fez uma grande partida, diante de um adversário que luta por G-4, e antes da rodada era simplesmente o 6º colocado com 24 pontos.

Por isso, entendo que existem sinais claros de recuperação à vista para o Sampaio Corrêa, vamos torcer para que o nosso representante saia dessa “Zona do Terror” da Série B. Até porque esse não é o lugar da Bolívia Querida!

0

Partido do governador e PSL oficializam apoio a Edivaldo Júnior

EdivaldoPcdoB

Bandeiras, gritos de guerra e muita animação marcaram a Convenção do PCdoB realizada no sábado (23) que oficializou o apoio da legenda ao projeto de reeleição do prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior (PDT). A convenção foi realizada no Convento das Mercês. Outro partido que formalizou o apoio a Edivaldo no sábado foi o PSL, em encontro estadual.

Na sexta-feira (22) Edivaldo também consolidou a ampla rede de apoio com o PRB, que formalizou a adesão na convenção municipal, e o Pros, que ratificou o apoio durante o encontro estadual da legenda, realizado na Assembleia Legislativa.

O presidente estadual do PcdoB, Márcio Jerry, destacou a importância da parceria entre Edivaldo e o governador Flávio Dino (PCdoB). Segundo ele, a parceria e o trabalho conjunto foram fundamentais, para o desenvolvimento de diversos projetos em prol da população de São Luís.

“A parceria Flávio Dino e Edivaldo tem que continuar. Temos que lutar para manter o que está dando certo, para consolidar as mudanças que o Maranhão e a capital necessitam. E tenho certeza que com essa militância venceremos as eleições, porque temos o melhor projeto para São Luís”, enfatizou Márcio Jerry.

Edivaldo Holanda Júnior também avaliou positivamente a parceria. “Com o trabalho conjunto e a parceria com o governador Flávio Dino, conseguimos avançar em áreas que há mais de 30 anos não recebiam infraestrutura. Queremos continuar caminhando de mãos dadas, prefeitura e governo do estado, lado a lado para fazer muito mais por São Luís”, afirmou Edivaldo.

PSL – Depois de participar do encontro do PCdoB, o pré-candidato à reeleição a Prefeitura de São Luís pelo PDT seguiu para a Assembleia Legislativa, onde foi recebido calorosamente pelos participantes do Encontro Estadual do PSL, que também anunciaram formalmente o apoio. “Hoje, anunciamos e declaramos que marcharemos juntos com Edivaldo à vitória”, falou o presidente estadual do PSL, Francisco Carvalho.

Edivaldo aproveitou o encontro para conversar com os militantes sobre os três anos e meio de sua administração. Infraestrutura, urbanização, reformas nas unidades de saúde, obras de reordenamento do trânsito, meio ambiente foram algumas das ações enumeradas por Edivaldo como marcas da sua gestão de São Luís. Ele agradeceu a adesão do PSL ao seu projeto. “Agradeço à direção e à militância do PSL por acreditar no nosso projeto para São Luís, cidade que amo. Com bom planejamento, trabalho sério, responsabilidade e transparência avançaremos, ainda mais, com a ajuda vocês”, disse Edivaldo.

0

Edivaldo Holanda Júnior ‘vira o jogo’ em São Luís, segundo a Econométrica

A pesquisa realizada pela empresa Econométrica sobre  a corrida à Prefeitura de São Luís, mostra uma nova realidade com alterações de cenários, e mais do que isso, apresenta respostas no que diz respeito ao caminhar dos candidatos na capital maranhense. Os números precisam ser bem interpretados, pois do contrário, alguns se ‘trumbicarão’ na caminhada – porque só não vê quem não quer, o que está acontecendo.

A virada do prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT), de certa forma, já era esperado, pela ampla coligação que montou, articulação política funcionou bem, e também o avanço de obras importantes, além de promessas que antes, ninguém havia tido coragem de se quer discutir o tema, no caso, refiro-me a Licitação do Sistema de Transporte, e é óbvio que isso se transforma em ponto positivo para Holanda Júnior.

Ao passo que Edivaldo cresceu, a deputada federal Eliziane Gama (PPS) caiu, ela vinha liderando a bastante tempo as pesquisas, mas sempre com o prefeito de São Luís, a derrotando na espontânea – um sinal de que as coisas poderião mudar. Desde o ano passado, Eliziane estava à frente, mas tinha indícios que não manteria a ponta, porque a cada levantamento perdia pontos, chegou a 29% e agora baixou para 20%, uma queda e tanto…

Quando abordasse o cenário nas pesquisas espontâneas, se verifica um crescimento ‘galopante’ de Edivaldo em relação a Eliziane. Nesta modalidade, o prefeito da capital maranhense foi citado por 18,3% dos entrevistados, enquanto que 10,1% citaram a deputada federal.

Com relação a um provável 2º turno, a situação mudou, e hoje, os números levam-nos acreditar num equilíbrio na disputa. Percebam o seguinte: a Econométrica em Junho apresentou um quadro que, num possível segundo turno entre Wellington e Edivaldo, a vitória seria do deputado estadual por 35,9% a 29%, ou seja, seriam quase sete pontos. Contudo, nesse levantamento deste sábado, a diferença diminuiu e está em menos de seis pontos: 37,4% contra 31,6%.

E no que se refere a disputa entre Eliziane Gama e Edivaldo Júnior a situação, de uma projeção do 2º turno é a seguinte: em junho, a deputada federal num eventual 2º Turno derrotaria Edivaldo por 40% a 25,4%, ou seja, a diferença seria de quase 15%. No atual levantamento a diferença é de menos de 2%, pois Eliziane aparece com 33,7% contra 32,3%.

O que o levantamento explicita é que se torna possível, termos alguns “cavalos paraguaios” na disputa pela Prefeitura de São Luís, pois a hora de chegar é agora – está se aproximando o momento da verdade – e cá pra nós, tem gente que já começa a perder o fôlego!

Nesta fase, e com essa tendência mostrada pelos números, aguardem: vem aí, as engenharias de marketing eleitoral, colocando em prática, a’ tática do denuncismo’ para tentar desconstruir a imagem, deste ou daquele candidato, que estiver melhor nas pesquisas – infelizmente, isso não muda. Pois, o certo e almejado pela população, era a discussão sobre um melhor projeto para a cidade de São Luís.

A pesquisa foi registrada no dia 17 de julho com o número MA-03691/2016, encomendado pelo Blog do Luis Cardoso. O levantamento ouviu a opinião de 985 eleitores da capital maranhense, entre os dias 14 e 16 de julho, com margem de erro de 3,1% para mais ou para menos e tendo 95% de confiabilidade.

0

Sampaio pega o Londrina em busca da 1ª vitória, fora de casa

O Sampaio Corrêa terá mais um jogo difícil, neste sábado (23) pela Série B do Brasileirão, fora de casa enfrenta o Londrina/PR, no estádio do Café, às 21h. O adversário vem de bons resultados, e ocupa a 6º posição na tabela.

Pela Bolívia, que tenta uma vitória para sair da rabeira da classificação, serão quatro desfalques certos. O lateral-esquerdo Rafael Estevam, que segue vetado, o volante Léo Gago, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, além do lateral Renan Luís e do meia Lucas Sotero, os últimos a entrar no departamento médico. Em compensação, o técnico Wagner Lopes conta com a volta de Renan Ribeiro. Henrique deve entrar naturalmente no time, mas a vaga na lateral será ocupada pelo estreante, o zagueiro Heverton.

Já a equipe do Londrina, mesmo diante do último colocado da competição, não espera por vida fácil. A equipe Tricolor tem se recuperado gradualmente, com apenas uma derrota nas últimas quatro partidas. Para montar o time, o técnico Claudio Tencati contará com a volta do lateral-esquerdo Léo, que cumpriu suspensão automática.

“O Sampaio é um time difícil. Está na zona de rebaixamento, mas é sim um time difícil. A gente não pode menosprezar ninguém. O Londrina tem que canalizar uma energia positiva, porque temos que somar pontos. Sabemos que será um jogo difícil, mas temos que ganhar”, avaliou o treinador londrinense.

FICHA TÉCNICA
LONDRINA X SAMPAIO CORRÊA

Local: Estádio do Café, em Londrina (PR)
Data: 23 de julho de 2016, sábado
Horário: 21 horas (de Brasília)
Árbitro: Diego Almeida Real (Asp. Fifa-RS)
Assistentes: José Eduardo Calza (RS) e Jorge Eduardo Bernardi (RS)

LONDRINA: Marcelo Rangel; Lucas Ramon, Matheus, Luizão e Léo; Germano, Jumar (Igor Miranda ou Rondinelly), Rafael Gava e Zé Rafael; Jô e Keirrison (Itamar).
Técnico: Claudio Tencati

SAMPAIO: Rodrigo Ramos; Eder Sciola, Wagner, Luiz Otávio e Heverton; Renan Ribeiro, Diego Lorenzi, Felipe Baiano, Henrique e Pimentinha; Elias.
Técnico:Wagner Lopes

E a partir de 20h, você terá a melhor cobertura do Brasileirão da Série B na Rádio Educadora AM, 560 Khz, a mais potente emissora de rádio do Maranhão com 25Kw. Na internet: www.educadora560.com.br ou baixe o aplicativo da estação.

0

Por que não saiu antes o patrocínio da CEMAR ao futebol?

Vejo com muita alegria o anúncio de que a Companhia Energética do Maranhão – CEMAR vai patrocinar as equipes do Sampaio Corrêa e Moto Club, representantes do futebol maranhense nas Séries B e D, respectivamente. Com certeza vai ser bom, pois os clubes terão uma condição melhor para contratar reforços, isso não se discute!

Agora, como se trata de recurso oriundo da efetivação da Lei de Incentivo ao Esporte, tenho quase que convicção que, tanto Sampaio quanto Moto não deram entrada, nesse momento, para serem contemplado pela Lei, que hoje, é fundamental para o esporte. Ou seja, já faz tempo, e tempo esse que faz muito falta, sabem por quê?

Se esse patrocínio tem acontecido no início do Campeonato Brasileiro da Série B, não tenham dúvidas que o Tricolor poderia ter um aporte financeiro para manter e/ou contratar jogadores de uma melhor qualidade técnica, pois diversas vezes o presidente do Clube, Sérgio Frota, disse que o Nadson, por exemplo, ganhava 20 mil e pediu 50 mil para ficar – acabou indo para o Paraná para faturar mais.

No Moto Club, vocês se lembram do excelente Marcos Paulo? Eleito pela imprensa do Maranhão, como o craque do Estadual 2016, deixou o Papão do Norte para ganhar cerca de 25 mil no Bragantino – já imaginaram se, o ‘dez da moda’ estivesse nesse time atual? Na minha opinião o Rubro-Negro estaria mais forte para buscar o acesso.

Isso não significa dizer, que pelo fato de ter demorado a sair o patrocínio não sirva, absolutamente – só entende o titular do Blog que, quando se fala em “apoio”e “ajuda” ao futebol, que na verdade é uma parceria, porque essa modalidade, quando bem explorada é um divulgador em potencial, e por sinal extraordinário, as coisa são muito vagarosas para acontecerem.

De qualquer foram, parabéns à CEMAR por acreditar no esporte maranhense, uma pena é que não deu tempo de ‘socorrer’ o MAC, que já está eliminado da Série D por falta de investimento.

0